Ao mestre, com carinho.



Difícil caminhar pelas ruas do Rio de Janeiro sem pensar que não encontrarei mais com Eduardo Coutinho. Ao contrário de muitos posts lidos nos últimos dias após a tragédia, em especial este belo relato de Aleta, "personagem" de Jogo de Cena, eu não era íntimo do diretor. E tampouco tive a sorte de encontrá-lo muitas vezes por aí. Não tirei fotos e não troquei muitas palavras. Mas como fã, ao encontrá-lo, ficava o mais próximo possível para ouvir o que ele tinha para dizer.

Mas a consciência de estar no mesmo lugar/cidade de um homem que dirigira filmes marcantes e que recusara o pedestal que suas obras mereceram era confortante. Sim, este era um pensamento recorrente: saber que Coutinho vivia a poucos quilômetros de distância. Ler os livros dedicados à obra do diretor era como sentir-me ainda mais próximo e entender mais que o famoso mau humor era, na verdade, uma acidez que possuía motivos para ser assim. Hoje, infelizmente, revelados. 

Bem, o mestre se foi e fica o legado construído com pérolas que me marcaram ao longo dos anos. De Cabra Marcado Para Morrer a Edifício Master, o impacto continua o mesmo. E deixou, mesmo exibido tantas vezes em vida - e às escuras -, Um Dia na Vida, colagem que estuda a fundo o Brasil através da doentia programação da TV aberta nacional. Neste, os entrevistados estão prostrados, maquiados, prontos para entreter e falar, falar, falar. Como qualquer outro filme de Coutinho. E na mesma linha, estes "personagens" se revelam ao silêncio do mestre. Sobra a nós continuar nossa andança e lembrar.  Sempre.
 

Comentários

  1. Bela homenagem, Pedro.

    Nunca fui um seguidor do cinema de Eduardo Coutinho e, após essa partida trágica, lamento o fato de não ter conseguido dedicar tempo em conferir a homenagem que fizeram a ele na última edição da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo.

    Apenas aguardando passar esse período turbulento da rotina para sentar no sofá e começar a caçar alguns de seus docs mais célebres.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey, Alex.

      Talvez uma trinca recente seja a melhor das pedidas: Edifício Master/Jogo de Cena/Moscou.

      Abraços!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas